4.8.10

Semana de saco cheio

Estou há mais de um mês tentando alugar um apartamento com dois amigos e sendo obrigada a lidar com a atendente/corretora mais mosca morta de Florianópolis. A imagem que eu tenho dela é de uma baita procrastinadora. Sei que não posso falar muito porque conheço bem essa condição de vida, mas no meu estágio ninguém depende do que eu faço pra arranjar um lugar pra morar. Então é isso, desço o mapa do Brasil nesse sábado e ainda não tenho um lar. Eis a razão de estar com tanto saco cheio de São Luís mesmo sem ter ido a todos os lugares que queria ir, sem ter tomado o sorvete de tapioca na minha sorveteria preferida e sem ter visto alguns amigos (de novo). Ao mesmo tempo que não posso voltar porque não tenho nem cama e nem teto pra dormir embaixo, queria resolver tudo isso logo e voltar a sentir um friozinho nessa vida. Outro dia senti um ventinho muito fresco aqui em casa e vesti um bolero pra me agasalhar. Um bolero. E claro que senti calor depois.

4 comentários:

Alice Voll disse...

jnsainsajna
adoro o teu jeito de escrever, Luh!
sentir frio no MA deve ser uma coisa muita rara!
boa sorte com o apê!

Ana Lu disse...

Ei Luh!
Boa sorte ai com a questão do apê.
E meu, eu acho que vou dar um pulo ai no Maranhão, to farta desse frio de Curitiba.
ahuauauh
Beijoss

Luiza disse...

Nossa, Luh, quantas vezes você já se mudou desde que chegou a Florianópolis? Hahaha! Que saco, hein! É horrível quando precisamos de um serviço e o prestador faz pouco caso. Não é ele que tá sem teto, né? Boa sorte aí!
beijo!

Mel disse...

Saudade de sentir frio???? Entrar no freezer??? você não pode tá falando sério!!! rssss
beijos!